Na manhã desta quinta-feirageral-eduweb, 11, começou o I Encontro Estadual de Educação, organizado pelo Ministério Público do Estado do Amapá e Ministério da Educação e Cultura. A programação iniciou com coffee break para os participantes, e seguiu-se com mesa de abertura, palestras, debates e momento cultural. O encontro tem a finalidade de promover a capacitação dos membros e servidores da instituição, gestores e outros atores da área educacional, com o apoio técnico do Ministério da Educação e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.

A mesa de abertura foi composta pela procuradora-Geral de Justiça, Ivana Lúcia Franco Cei, a procuradora de Justiça, coordenadora do CAOP-IJ e membro do MP-AP na COPEDUC/GNDH, Judith Gonçalves Teles, o promotor de Justiça da Promotoria da Cidadania, Pedro Gonçalves Leite, a sub-Secretária da Secretaria de Estado da Educação – SEED, Lúcia Furlan, que na ocasião representou o governador do Amapá, o secretário Municipal de Educação - SEMED, Saul Peloso da Silva, que também representou o prefeito de Macapá, o Presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – UNDIME, e o Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Pedro Aurélio.

Judith Teles agradeceu a todas as instituições que se dispuseram a contribuir para que o Encontro acontecesse. “É um momento de capacitação para todos os presentes, no sentido de aprimorar seus trabalhos em benefício da educação”, salientou a Procuradora.publicoweb

A Procuradora-Geral destacou a importância do conhecimento para que o ser humano realize suas conquistas. “O futuro é pautado na necessidade da educação para as pessoas, e o I Encontro Estadual de Educação já faz parte deste futuro pensado a partir do esforço em diminuir a distância entre as pessoas no campo do conhecimento”, destacou Ivana Cei.

O promotor Pedro Gonçalves Leite ressaltou que o MP-AP tem exigido dos gestores o cumprimento de suas obrigações no que diz respeito ao oferecimento de uma educação de qualidade para a população.

A Sub-Secretária da SEED, o Secretário da SEMED, e o Presidente da UNDIME parabenizaram o MP-AP pela iniciativa de proporcionar à população amapaense momentos de discussão voltados para a melhoria do sistema educacional do Estado. Ressaltaram ainda, que é responsabilidade de todos os gestores oferecerem uma educação de qualidade para a sociedade.

As palestras

A professora especiageral-edu2weblista do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Amapá – UNIFAP, Kátia de Nazaré Santos Fonseca, fez a primeira palestra do dia sobre o tema: “Municipalização”. Na oportunidade a professora deu destaque para necessidade de uma boa educação de base para que o aluno chegue ao nível superior bem preparado. Ela defendeu que “todos os entes governamentais devem se esforçar para que o sistema educacional funcione. O Estado deve estar ao lado do município para a que a Municipalização exista.”

Na segunda palestra, a professora Doutora do Curso de Pedagogia da UNIFAP, Marinalva Silva Oliveira, falou sobre “A inclusão e o atendimento educacional especializado”. A professora enfatizou que a educação especial envolve todos os aspectos da educação, que vai desde a formação qualificada dos docentes até a estrutura escolar preparada com equipamentos necessários para atender as diversas deficiências. “Educação de qualidade não é somente subir o número de matrículas, depende do que está sendo repassado para os alunos para que consigam chegar ao conhecimento”, reiterou Marinalva Oliveira.

A programação do I Encontro Estadual de Educação segue até às 14 horas desta sexta-feira. Com a continuação dos momentos de palestras e debates.

SERVIÇO:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá
Contato: (96) 3198-1616. Email:  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.">Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.