bannerMEIOAMBIENTE 01


Entrega material para CIODES1Por meio de Termo de Ajustamento de Conduta Ambiental (TAC), em atendimento à solicitação feita pela direção do Centro Integrado de Operações da Defesa Social (CIODES), a Promotoria de Meio Ambiente repassou para o órgão de segurança nesta quarta-feira, 18, material de expediente e bens. O promotor de Meio Ambiente, Marcelo Moreira, assinou, com  representante do CIODES, Coronel Alessandro Vaz, Termo de Transferência do material, que dará suporte para a melhoria da prestação de serviços de urgência.

 No mês de abril, o promotor Marcelo Moreira, a convite do coordenador-geral do centro Integrados de Operações da Defesa Social (CIODES), Nielsen Rodrigues, visitou a instituição, quando conheceu a estrutura física e operacional, onde foi constatada  a carência de material e equipamento, que dificultam a funcionalidade do órgão. Foram entregues 10 teclados, 10 mouses USB, 3 HDs 3TB, 3 memórias DDR$, 40 lâmpadas bulbo, 35 lâmpadas tubular led 15w, 43 lâmpadas tubular led 20w, 2 refletores led, 100 soquetes para lâmpadas, e 5 caixas (com dez resmas) de papel A4.     

 O CIODES foi criado em 2006, para que os serviços de segurança fossem centralizados, otimizando o atendimento de urgência e emergência que a população solicita através de chamadas telefônicas. As ocorrências são encaminhadas para os setores responsáveis que fazem o atendimento de acordo com a característica da situação. Dentro da estrutura se concentram os centros de operações da Polícia Militar (PM/AP), Polícia Técnico-Científica (Politec), Polícia Ambiental (BA), Grupo Tático, Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN) e Instituto de Defesa do  Consumidor.

Entrega material para CIODESO material doado  é resultado de TACs ambientais, por danos causados ao meio ambiente e que são compensados com insumos para órgãos que atuam na área ambiental, ou atividades de educação ambiental, com o objetivo fiscalizar e proibir crimes contra o meio ambiente, incentivar boas práticas e formar cidadãos com consciência sobre a preservação do planeta. Em 2018, o Ministério Público do Amapá (MP-AP), incentivou iniciativas, fazendo com que, através dos TACs, os infratores repassassem em material mais de R$ 76 mil para projetos, incluindo o Escola Verde, do Governo do Estado (GEA), para onde foram transferidos cerca de R$ 20 mil em material agrícola.

 “Se o CIODES funcionar bem, toda sociedade vai sentir os efeitos, e também o meio ambiente, porque esta instituição é um importante canal de denúncias e reclamações de agressões e crimes ambientais, que transferem para os órgãos competentes. Fizemos o repasse de material de expediente e bens, cuja necessidade reduz a capacidade de atuação dos profissionais. O meio ambiente e  a sociedade agradecem”, disse o promotor Marcelo Moreira.

 Mariléia Maciel

Assessora Operacional – CAOP/AMB

Diário Eletrônico

Edição Data Visualizar
100/2020 03/06/2020
99/2020 02/06/2020
98/2020 01/06/2020
97/2020 29/05/2020
96/2020 28/05/2020
95/2020 27/05/2020
94/2020 26/05/2020
93/2020 25/05/2020
92/2020 22/05/2020
91/2020 21/05/2020
Ver todos

Ouvidoria

Promotoria da Saúde

Corregedoria-Geral

Decisões dos Órgãos Colegiados
Res. 173-CNMP

Processos Distribuídos
Res. 110/2014

Sistema Cuidar

Plantões

Espelho do MPAP

Plenário Virtual

Mapa das Ouvidorias

Olá! Posso ajudar?
Sofia - Assistente Virtual
Online
  • 06:52     Sofia
    Olá, seja bem-vindo! Meu nome é Sofia, sou assistente virtual do MP-AP.
  • 06:52     Sofia
    Em que posso ajudar? 😊
  • 06:52     Selecione uma das opções