Imagem 1Na última segunda-feira (10), o titular da Promotoria de Justiça de Defesa da Educação (PJDE), Roberto Álvares, acompanhado das equipes integradas, realizou mais uma ação “Gabinete nas Escolas”, dessa vez na Escola Estadual Santa Maria, localizada, agora, no bairro Marabaixo. Inicialmente foi realizada uma reunião e logo em seguida a inspeção, no intuito de averiguar os problemas e eventuais melhorias no sistema de educação.

A ação vem percorrendo, desde o início de 2018, as Escolas Estaduais e Municipais, semanalmente. Em 2019 foi intensificada para segundas e quintas-feiras. O promotor realizou uma breve descrição sobre a atuação da Promotoria de Defesa da Educação. Na sequência, explicou a dinâmica a ser atingida, consistindo na apresentação de cada participante e na inspeção das dependências do educandário.  Posteriormente, concedeu a palavra aos participantes, sendo expostos os diversos problemas ali detectados, assim como foram listadas as boas práticas desempenhadas pela escola. 

"As instituições que participam das ações têm como objetivo se estabelecer nas escolas e ali verificarem as questões básicas, medianas e profundas do ambiente escolar. Desse modo, analisamos a estrutura física, gestão financeira, administrativa e pedagógica, pois é o mecanismo de bom funcionamento desses elos interligados que dará sustentação a tão propagada educação de qualidade", ressaltou o promotor. Aluna e promotor

Laís Gabriely Ferreira, de 10 anos, uma das alunas da escola e responsável por um projeto que objetiva transformar as aparas de lápis, borra de café e outros materiais em adubo orgânico por meio da compostagem, relatou que o projeto abrange toda a vizinhança, que colabora entregando à escola materiais para compostagem, como as folhas secas.  O projeto também possui cunho empreendedor, ajudando no custeio das viagens dos alunos e em outras necessidades escolares. 

Além disso, pontuou sobre a necessidade de maior conscientização dos alunos por parte dos professores sobre a preservação do meio ambiente e apontou a falta de quadra poliesportiva e Laboratório de Informática Educativa (LIED), entretanto, elogiou a gestão escolar e coordenação. E no mais, mencionou a existência de delegados em cada turma que auxiliam a gestão escolar. 

Outro motivo de reclamação do público escolar e que não passou desapercebido pela equipe que realizava a inspeção foram problemas como a limitação do espaço da escola; a ausência de atendimento das normas de acessibilidade; ausência de extintores de incêndio e necessidade de instalação de lâmpadas em espaço sem iluminação natural, etc.

A diretora da escola, Carla Cristina Azevedo, pontuou que a gestão está planejando a criação de Conselho Escolar e explicou que a divisão das salas se deu em razão da necessidade de diminuir a quantidade de alunos por turma, pois melhora a parte pedagógica, bem como integraliza atendimento ao Projeto Político Pedagógico (PPP).

“O PPP está em processo de revisão e a escola possui inadimplência na prestação de contas referentes, aos repasses federais da merenda escolar. Quando verifiquei a informação fui comunicada que a falta de recebimento de repasses federais se deve a pendências existentes com a UDE”, relatou Carla. Ciranda

A pedagoga Adriana Araújo, defendeu mais cuidadores para a escola, uma vez que o educandário possui um cuidador, mas não é o suficiente para atender a todos os alunos com deficiência. Além disso, solicitou o encaminhamento de um professor para o Atendimento Educacional Especializado (AEE), diante da existência de alunos com altas habilidades e superdotação necessitando do devido acompanhamento. 

Representantes da Coordenadoria da Rede Física-COREF/SEED; Coordenadoria de Administração-CAD/SEED; Núcleo de Alimentação Escolar-NAE/SEED; Diretoria de Combate ao Incêndio e Pânico do Corpo de Bombeiros Militar; Policiamento Comunitário Escolar; Controladoria Geral do Estado-CGE e Ouvidoria Geral do Estado estiveram presentes.

 

SERVIÇO:

Elton Tavares – Diretor de Comunicação

Texto: Anita Flexa

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá

Contato: (96) 3198-1616

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Diário Eletrônico

Edição Data Visualizar
183/2019 23/10/2019
182/2019 21/10/2019
181/2019 18/10/2019
180/2019 17/10/2019
179/2019 16/10/2019
178/2019 15/10/2019
177/2019 14/10/2019
176/2019 11/10/2019
175/2019 10/10/2019
174/2019 09/10/2019
Ver todos

Corregedoria-Geral

Decisões dos Órgãos Colegiados
Res. 173-CNMP

Processos Distribuídos
Res. 110/2014

Sistema Cuidar

Plantões

Espelho do MPAP

Plenário Virtual