Promotores e procuradores do Ministério Público Estadual receberam, na noite de sexta-feira, 17, no auditório da instituição, o presidente da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (CONAMP), César Mattar Junior, e o renomado procurador de Justiça do Ministério Público de Minas Gerais, André Estevão Ubaldino Pereira, que abordaram sobre temas institucionais e a “Investigação Criminal pelo Ministério Público”, respectivamente.

César Mattar falou sobre as lutas constantes dos membros do Ministério Público contra entidades que têm interferido nas ações ministeriais. “Nós buscamos apoio de todas as associações que compõem a nossa associação nacional, para que estendamos ações e o alcance de resultados”, exemplificou o presidente da CONAMP.

“Com a visita de César Mattar, é possível falarmos sobre a situação do Ministério Público em todo país, pois com tais informações é possível abrir os olhos dos membros para a realidade que vivemos hoje e principalmente saber como está o posicionamento do Congresso a respeito de propostas que tentam enfraquecer o MP”, ressaltou o presidente da Associação dos Membros do Ministério Público do Amapá (AMPAP), promotor de Justiça João Paulo de Oliveira Furlan.

Ao final da palestra do presidente da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (CONAMP), César Mattar Junior, o procurador de Justiça de Minas Gerais, André Ubaldino, iniciou explanação sobre sua tese de doutorado intitulada “Investigação Criminal pelo Ministério Público”

“O procurador de Justiça André Estevão é um homem com uma vasta experiência em investigação criminal e que recentemente levou nota 100, com louvor, na defesa de sua tese de doutorado, na PUC/MG”, comenta o promotor de Justiça e coordenador da palestra, Eder Geraldo Abreu. “Nada mais oportuno do que nos apresentar essa palestra, nesse momento em que se discute se os Ministérios Públicos devem ou não atuar na esfera da investigação criminal”, complementa o promotor.

André Ubaldino é, também, coordenador do Centro de Apoio Operacional do Crime Organizado de Minas Gerais, professor de Direito Penal e Processo Penal da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC/MG, ex-agente da Polícia Federal e atuou como membro do Conselho Estadual de Entorpecentes.

Baseado na experiência que adquiriu em seus longos anos como membro do Ministério Público, André Ubaldino defende que a instituição não deve somente inspecionar os órgãos de investigação, mas deve, também, adquirir competência para realizar as investigações criminais. “O Ministério Público deveria, sim, protagonizar na investigação criminal, pois defendo a premissa de que quem não sabe fazer, não sabe fiscalizar quem faz”, declara o palestrante.

SERVIÇO:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá

Contato: (96) 3198 1616. E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Diário Eletrônico

Edição Data Visualizar
52/2021 05/03/2021
51/2021 04/03/2021
50/2021 03/03/2021
49/2021 02/03/2021
48/2021 01/03/2021
47/2021 26/02/2021
46/2021 26/02/2021
45/2021 25/02/2021
44/2021 25/02/2021
43/2021 24/02/2021
Ver todos

Canais de Atendimento

Ouvidoria

Promotoria da Saúde

Corregedoria-Geral

Decisões dos Órgãos Colegiados
Res. 173-CNMP

Processos Distribuídos
Res. 110/2014-CNMP

Sistema Cuidar

Plantões

Espelho do MPAP

Plenário Virtual

Podcast do MP-AP

Mapa das Ouvidorias

Olá! Posso ajudar?
Sofia - Assistente Virtual
Online
  • 09:26     Sofia
    Olá, seja bem-vindo! Meu nome é Sofia, sou assistente virtual do MP-AP.
  • 09:26     Sofia
    Em que posso ajudar? 😊
  • 09:26     Selecione uma das opções