O Ministério Público Estadual, por meio da Promotoria de Justiça de Ferreira Gomes, firmou Termo de Ajustamento de Conduta com a Prefeitura Municipal de Ferreira Gomes, Polícia Militar, Polícia Civil, Conselho Tutelar e Corpo de Bombeiros, para estabelecer o horário de funcionamento de boates, danceterias, restaurantes, bares e lanchonetes, além de ter o compromisso das autoridades na intensificação ao combate da violência.

Segundo o promotor de Justiça, Anderson Batista de Souza, nos últimos meses, grandes empresas foram instaladas no município de Ferreira Gomes, em decorrência do início da construção da Hidrelétrica no Rio Araguari, o que propiciou o aquecimento da economia local, com a geração de empregos que favorecem o aumento no fluxo de pessoas no município. No entanto, houve o aumento da criminalidade, constatado a partir de visita da Promotoria de Ferreira Gomes na Delegacia de Polícia local, onde foi verificado que no ano de 2009 foram instaurados 46 inquéritos policiais, 55 em 2010 e subindo para 70 o número de inquéritos até o mês de julho deste ano.

“Nesta projeção, o ano de 2011 vai encerrar com três vezes mais o número de inquéritos policiais instaurados, com relação ao ano de 2009, o que preocupa todas as autoridades que tratam da segurança pública no município”, comenta o promotor.

A pesquisa realizada pela Promotoria de Justiça revela que a maior incidência de crimes contra a pessoa e patrimônio, ocorre exatamente nos horários da alta madrugada ou fim de noite, no interior destes estabelecimentos ou em suas proximidades, em decorrência do consumo de bebida alcoólica. “Reduzir o horário de funcionamento destes estabelecimentos e a reafirmação das responsabilidades de cada uma das autoridades diminuirá sensivelmente a criminalidade no município”, afirma o Promotor Anderson.

Com esta iniciativa o comércio somente poderá funcionar nos seguintes horários: de segunda-feira a quinta-feira, das 08:00h até 00:00h; sexta-feira e sábado das 08:00h até 02:00h; domingo das 08:00h até 00:00h e feriados das 08:00h até 02:00h.


SERVIÇO:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá

Fone: (96) 3198-1616. Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.